Home | Clínica | Localização | Contato
 
 

ORTOPEDIA FUNCIONAL DOS MAXILARES

Histórico

A palavra Ortopedia é de origem grega onde o radical  "orto" significa reto e "pedia’’; educação, orientação, guia. 

A ortopedia Funcional dos Maxilares é o ramo da odontologia que trata das alterações em ossos, músculos e articulações sejam elas de origem genéticas ou adquiridas: desenvolvidas durante a vida do indivíduo, ou por causa de problemas de postura em consequência de hábitos viciosos, acidentes ou doenças. 

Apesar da Ortopedia Funcional dos Maxilares ter sido reconhecida como especialidade desde 2002 pelo CFO (Conselho Federal de Odontologia) ela não é nova. Os europeus praticam este método há décadas.

 


Princípios Básicos

A terapia visa o tratamento através das quatro forças naturais – crescimento e desenvolvimento, erupção dentária, postura e movimentos linguais, postura e movimentos da mandíbula com um vasto conhecimento da fisiologia do sistema estomatognático.

Um dos procedimentos para prevenir, interferir e corrigir as alterações, que se adaptam à faixa etária de 3 a 12 anos é os ortopédicos funcionais, que podem ser através de aparelhos ortopédicos funcionais móveis e/ou ajustes da oclusão por acréscimo ou desgastes da dentição decídua, ou seja, ‘’dentição de leite’’.

A Ortopedia Funcional dos Maxilares dispõe de mais de 25 formas terapêuticas distintas para resolver problema de maloclusões, direcionando o correto crescimento e desenvolvimento das bases ósseas maxilares, proporcionando uma harmonia facial e equilíbrio das funções bucais e promovendo a saúde de forma mais ampla.

 


Nível de Prevenção

A prevenção dos problemas de ordem funcional deve iniciar-se desde o nascimento da criança, através da estimulação das funções de sucção, respiração e deglutição. Por isso, é de extrema importância o aleitamento materno por um período mínimo de seis meses.

A respiração nasal é muito importante para o crescimento e desenvolvimento da face, por esta razão, a criança que respira pela boca deve ser avaliada pelo pediatra otorrinolaringologista, para que seja devidamente tratada, pois o ‘’céu da boca’’ é o ‘’chão do nariz’’ e a respiração bucal pode alterar a conformação dos maxilares. 

Após a erupção dos dentes, introduzir alimentação adequada, rica em fibras, a fim de desenvolver todo o crescimento harmonioso de músculos, ossos e posterior desenvolvimento das arcadas dentárias, através da mastigação. Em consequência, com o equilíbrio destas funções a fala se instala corretamente na grande maioria dos casos.

 


Formas de Tratamento

Nos casos onde os problemas já se encontram instalados, pode ser necessária a intervenção multidisciplinar das áreas da saúde (médica, odontológica, fonoaudiológica e outras).

O tratamento Ortopédico pode ser através da RNO (Reabilitação Neuro-Oclusal) com ajustes oclusais por desgaste ou por acréscimo de resina sobre os dentes decíduos ou ‘’de leite’’ que são as Pistas Diretas Planas para nivelamento da plana oclusão. Como por exemplo: Prevenção de Oclusopatias – Intervenção Oportuna na Dentadura Decídua e Mista através da RNO.

Existem casos que também são tratados com aparelhos móveis. São aparelhos confeccionados basicamente com acrílico e fio de aço inox. Todos os aparelhos são desenhados e confeccionados no laboratório da clínica sob a supervisão técnica de profissional habilitado. Os aparelhos ortopédicos funcionais utilizados são basicamente: de Planas (Pedro Planas – Espanha), de Simões (Wilma Alexandre Simões-Brasil), de Bimler (Hans Peter Bimler- Alemanha), de Frankel (R. Frankel- -Alemanha).

Alguns casos requerem o tratamento conjunto com a Ortodontia e o Profissional habilitado para a execução desta técnica é o Dr. Giovanni Mendes Bottaro CRO-92794, especializada na técnica do Straight Wirh Roth pela São Leopoldo Mandic - Campinas SP.